Butterfly Soul
Rascunho Literário
Guia para Mamãe de Primeira Viagem
BS no Youtube

A parte boa de estar amamentando!

Eu vejo por aí muitas mães reclamando de várias coisas desagradáveis quando está amamentando, e isso acaba por desestimular outras mães e gravidinhas por aí. Temos que ter em mente que pra cada pessoa a amamentação é de uma maneira, pois cada mãe e cada filho são indivíduos diferentes, com facilidades e dificuldades próprias.

Se você acompanha meu blog, sabe que realmente a amamentação está sendo trabalhosa pra mim, mas está acontecendo. E hoje eu quero exaltar as coisas boas de estarmos fazendo esse trabalho grandioso. Vale lembrar que essas coisas estão acontecendo comigo, mas cada pessoa é de uma forma:

Unhas fortes

Em toda a minha vida eu sempre tive unhas fracas, unhas quebradiças, que desfolham… Sempre tentei pintar de cores escuras pra fortalecer, passar várias vitaminas e esmaltes diferentes que me falavam. Tentei de tudo e nada dava certo. Durante a gravidez minha unha crescia mais que o normal, mas continuava fraca. Porém, depois que o bebê nasceu e eu comecei a amamentar, minhas unhas começaram a crescer muito fortes, e eu posso lavar louça, roupa no tanque, fazer faxina, e nada acontece. Isso é inédito na minha vida, e estou curtindo!

Cabelo lindo

De acordo com a minha ginecologista, essa história de mãe que amamenta cai o cabelo é mentira. E eu posso comprovar isso. Na verdade, com os hormônios da gravidez, as gestantes costumam perder menos cabelo, por isso todo mundo diz que cabelo de grávida é lindo e cheio. Quando o bebê nasce, você somente começa a perder aqueles cabelos a mais que se acumularam durante a gravidez, você não fica careca. Quando eu tive meu primeiro filho que faleceu, meu cabelo continuou a cair, ou seja, não era por causa da amamentação. É claro que deve haver no mundo mulheres que realmente tenham quedas de cabelo verdadeiras, mas eu nunca ouvi falar.
O que eu sei é que meu cabelo está caindo sim, mas ele ainda está lindo por causa de todos os hormônios, brilhoso, macio, e eu me sinto poderosa quando o calor deixa eu sair de casa com o cabelo solto! 😛

Pouquíssimos pêlos

Nunca ouvi ninguém falar sobre isso, mas é uma coisa que está acontecendo comigo. Desde que eu engravidei, fiquei com pouquíssimos pêlos pelo corpo. Coisa de precisar depilar a perna a cada 3 meses!!! Achei que com o bebê nascendo, a mamata fosse acabar, mas eu continuo com pouquíssimos pêlos e desde que meu filho nasceu só precisei me depilar 1 vez! #yay

Conexão com seu filho

Essa é uma parte muito especial. É um sentimento de amor muito profundo quando vocês estão naquela conexão da amamentação, e ele olha dentro do seu olho. É um momento de tanto carinho! É inexplicável como o amor e a intimidade cresce entre você e seu filho quando há a amamentação natural. Sou muito grata a Deus por estar conseguindo amamentar meu filho e sentir meu coração ficar quentinho nessa hora!

sentimento de dever cumprido

Acho que essa é a sensação mais gratificante. Por mais que haja opções se você não conseguir, quando você não consegue bate um peso no seu coração. Bateu comigo e isso foi um dos motivos por me fazer tentar mais e mais continuar amamentando. E quando você consegue, é uma sensação indescritível de boa, de que você pode, você consegue cuidar do seu filho, você é capaz. <3 E com vocês? Quais foram (ou estão sendo) as melhores coisas da amamentação?

Princípios montessorianos para a educação do seu filho
Sobre a formação de leitores no Brasil
Quando meu filho vai parar de babar?

2 comentários
  • Juliana

    Adoro vir aqui e aprender cada vez mais sobre amamentação, ser mãe, etc. Sonho em ser mãe e isso me deixa muito feliz :)
    Muito bom o post e a foto tá tão linda! Você e o Rodrigo estão perfeitos ^^
    Parabéns!

    Beijos!

    [Reply]

    Mariana Cruz Reply:

    meu sonho tb sempre foi ser mãe, e qd ele nasceu eu virei uma mulher realizada, é um sentimento que te completa, é tão bom <3
    bjos :)

    [Reply]

    Responder