Butterfly Soul
Rascunho Literário
Guia para Mamãe de Primeira Viagem
BS no Youtube

{Filme} Minha mãe é uma viagem

Ficha Técnica Título original: The Guilt Trip
Distribuidor: Paramount Pictures
Ano: 2012
Direção: Anne Fletcher
Elenco: Seth Rogen, Barbra Streisand e outros.
Gênero: Comédia
Nacionalidade: EUA
Idioma: Inglês
Classificação: Livre

Sinopse: "Um jovem inventor (Seth Rogen) convida sua mãe (Barbra Streisand) para fazer uma longa viagem com ele. Enquanto o filho tenta encontrar compradores para a sua nova invenção, sua mãe aproveita para procurar por um antigo amor."

Minha classificação: Minha opinião: Eu não sou muito de ver filmes, sou mais de séries e documentários. Mas assim que eu vi Barbra Streisand acordando, logo na primeira cena, não pude trocar de canal. Como fã de Barbra, eu tinha que ver esse filme. Então vamos lá…

O filme conta a história de uma mãe muito apegada ao seu filho. Assim que ele acorda já tem mensagem dela, e ela passa o dia ligando pra ele. Isso acontece mesmo eles morando muito longe um do outro. Em um final de semana, Andy viaja pra ver sua mãe. Ela o chama para conversar sobre ele ir mal com as garotas. A conversa dá errado e o filho joga a situação inversa, dizendo que desde que ela ficou viúva, quando ele próprio tinha 8 anos, ela nunca mais teve ninguém. Então Sophie acaba contando que conheceu um homem antes do pai dele, que se chamava Andrew (apelido Andy), que foi um romance que marcou muito a vida dela, e foi por isso que ela batizou o próprio filho com o nome dele.

Andy volta pro próprio quarto e procura o ex namorado da mãe. O encontra facilmente, morando ainda na mesma cidade e trabalhando ainda na mesma empresa. Então, meio sem jeito ele acaba convidando a mãe pra ir até São Francisco acompanhá-lo em uma viagem de negócios (mas na verdade é pra reencontrar o ex da mãe). De carro. Atravessando o país. Só os 2. Uma viagem que duraria mais de uma semana. Entendeu a tragédia? Rs…

A partir daí a história se desenrola, os 2 juntos por tanto tempo, colocando todas as questões mal resolvidas pra fora de um jeito bem engraçado. Como todo filme com minha diva, foi ótimo. O ator que faz Andy também é um nerd gatinho, barbudinho de óculos. Uma gracinha mesmo!!!

A única ponta solta no filme foi que no final a situação da mãe se resolve mas a do filho não. Digo, amorosamente. O personagem do Andy ainda fica sem solução, e eu achei isso estranho. Mas é um bom filme sim.

{Filme} Animais Fantásticos e Onde Habitam
Extraordinário vai virar filme
Angry Birds – O Filme