{Livro} Como eu era antes de você – Jojo Moyes

Em 22.12.2014   Arquivado em Livros

Título: Como eu era antes de você
Autor: Jojo Moyes
Editora: Intrínseca

Sinopse: Aos 26 anos, Louisa Clark não tem muitas ambições. Ela mora com os pais, a irmã mãe solteira, o sobrinho pequeno e um avô que precisa de cuidados constantes desde que sofreu um derrame. Trabalha como garçonete num café, um emprego que não paga muito, mas ajuda nas despesas, e namora Patrick, um triatleta que não parece interessado nela. Não que ela se importe.
Quando o café fecha as portas, Lou é obrigada a procurar outro emprego. Sem muitas qualificações, consegue trabalho como cuidadora de um tetraplégico. Will Traynor, de 35 anos, é inteligente, rico e mal-humorado. Preso a uma cadeira de rodas depois de um acidente de moto, o antes ativo e esportivo Will desconta toda a sua amargura em quem estiver por perto. Tudo parece pequeno e sem graça para ele, que sabe exatamente como dar um fim a esse sentimento. O que Will não sabe é que Lou está prestes a trazer cor a sua vida. E nenhum dos dois desconfia de que irá mudar para sempre a história um do outro.


Minha classificação:

Minha opinião: Pra começar, eu não fazia ideia sobre o que realmente era o livro, apenas que era um romance. Eu não gosto muito de romances, e como eu já tinha me decepcionado com outros livros de romance recentemente, comecei a ler um pouco sem esperança.

Louise é a irmã mais velha da família Clark, que vive à sombra da irmã mais nova, mais bonita e mais inteligente. Depois de tantos anos sendo menosprezada pela familia simplesmente porque a irmã mais nova era “melhor” em muitos aspectos, e depois de um outro fato beeeem marcante que aconteceu com ela, a vida de Lou estagnou. Ela não tinha mais ambição nenhuma e sentia-se segura por viver em sua zona de conforto.

Lou, aos vinte e seis anos (ou seja, na flor da idade, onde ela tinha que estar estudando e trabalhando mais do que nunca), namorava há seis com o mesmo cara e tinha o mesmo emprego na cafeteria da pequena cidade do interior onde vivia. E parecia não estar muito preocupada com o futuro. Quando a cafeteria fecha e ela se vê desempregada e fora de sua zona de conforto, acaba arrumando um emprego de cuidadora auxiliar na casa de uns ricaços, a família Traynor. E aí é que realmente sua vida começa a mudar.

Ela começa a lidar com um tetraplégico cheio de raiva do mundo e que simplesmente odeia ela desde o primeiro minuto. As coisas começam a ficar muito difíceis e sua irmã começa a dar alguns palpites de como as coisas podem melhorar no novo trabalho, afinal de contas, ela não podia largar aquele emprego. A família Clark passava por muitas dificuldades financeiras e Lou não podia se dar ao luxo de pedir demissão só porque o patrão tetraplégico não gostava dela.

Você mergulha num mundo totalmente desconhecido, onde ser um tetraplégico não é apenas estar em uma cadeira de rodas, é ter que lidar com quem você costumava ser e nunca mais poderá ser de novo, lidar com os olhares de piedade e constrangimento das pessoas, o abandono de outras por serem covardes ou não conseguirem lidar com isso. E ainda por cima precisa lidar com todas as doenças que vêm junto com a debilidade da cadeira de rodas. No meio de toda essa confusão, começa a surgir uma linda e sólida amizade entre o doente e sua cuidadora, baseada em jogar na cara todas as verdades e não esconder nada.

Vale a pena a leitura. Eu sempre consigo adivinhar os finais, por isso não me surpreendi tanto, nem me acabei de chorar como todos me alertaram. Mas foi um livro bom, apesar de ir contra alguns dos meus princípios de vida. Infelizmente, se eu falar um pouco mais do que isso, vocês vão sacar logo e vai perder a graça pra vocês… hahahaha… Então, se vocês quiserem ler, eu recomendo. Li de um dia pro outro, é um livro bem fluido, a leitura não é pesada nem nada disso, nem usa palavras que você precisa recorrer ao dicionário.

Gostei bastante de como a autora escreve, como ela conta tudo, como ela envolve você. Com certeza já estou querendo ler outros livros da Jojo Moyes. 😉

  • Miriam

    Em 22.12.2014

    A história parece ser parecida com a daquele filme Os Intocáveis (que gostei bastante)… Já viu esse filme? :)

    [Reply]

    Miriam Reply:

    A história parece ser semelhante com a daquele filme Os Intocáveis (que gostei bastante)… Já viu esse filme? :)

    [Reply]

    Mariana Reply:

    caraca… nunca vi esse filme!!! :( vou ver!
    como eu era antes de vc vai virar filme no cinema em 2015 <3
    bjos

    [Reply]

  • Aninha

    Em 22.12.2014

    Oi Mari!
    Eu estava super curiosa pra ler esse livro e agora estou mais ainda, hehehe… gostei muito da sua resenha! Ele me fez lembrar de um filme, que se chama Intocáveis. Também se trata da história de um homem rico e tetraplégico (qualquer semelhança é mera coincidência), que tem sua vida mudada por um outro homem que começa a cuidar dele. Imagino que sejam histórias bem diferentes, como vc mesma disse, o livro é um romance e o filme não tem nada de romance, mas sim amizade. Sugiro que se você tiver a oportunidade, assista. O nome dele é Intocáveis (http://www.adorocinema.com/filmes/filme-182745/), e eu achei muito bonito. :)

    Adorei a resenha! Faça mais quando ler outros livros, hehehehe 😀
    Beijos!

    [Reply]

    Aninha Reply:

    Eu disse o nome do filme 2 vezes, mas ok. Hahahaha

    [Reply]

    Mariana Reply:

    caramba… a mirian falou do mesmo filme no comentário dela… agora vou ter que ver 😛
    bjos

    [Reply]

    Victória Souza Reply:

    Eu estou lendo esse livro, que coincidência rs e tô adorando!!!!
    Beijo

    [Reply]

    Mariana Reply:

    :3

  • Nathalia

    Em 22.12.2014

    Olá lindona, amei a resenha estava procurando alguns livros para ler nas férias e vc acabou de me dar uma super dica !!!
    Se não voltar aqui um Feliz Natal Lindona !!!
    MMBeijos Nat =)

    [Reply]

    Mariana Reply:

    feliz nataaaaaal :3

    [Reply]