Traçando metas de maneira eficaz para 2015

Em 01.01.2015   Arquivado em Aleatórios

Se você acha que ia chegar aqui e ver as metas que eu quero alcançar em 2015, se enganou, pois:
1) É desinteressante pra você saber minhas metas;
2) Se é interessante saber minhas metas provavelmente você é um fofoqueiro (hahaha);
3) Não contar minhas metas em 2014 foi a melhor coisa que eu fiz. 😛

Acabou a primeira acidez do ano. Feliz 2015!

Acredito que a droga da ansiedade seja o mal do século. Todos já passaram por essa sensação na vida, em maior ou menor grau. Alguns conseguem lidar bem com a ansiedade e ela logo vai embora, outros não, e a coisa evolui, e pode se desdobrar em várias complicações sérias.

Acredito ainda que as mulheres sofrem mais com esse mal. Porque além de geralmente acumularmos muitas funções a mais do que os homens, temos a Síndrome da Mulher Maravilha. Se você não sabe o que é isso, eu explico: a Síndrome da Mulher Maravilha é quando você quer fazer tudo, e fazer tudo perfeitamente.

Sofri dessa síndrome por muitos anos na minha vida, e ela só foi evoluindo, até que meu corpo pifou. Quando cheguei nesse estágio eu vivia com medo, porque tinha muitos compromissos e era tudo cronometrado, eu não tinha muito tempo pra descansar (na verdade nunca tinha) e se uma coisa falhasse, outras falhavam junto, como quando você derruba um dominó e um vai derrubando o outro. Quando se vive numa tensão sem fim, a sua cabeça reclama, suas costas reclamam, você tem ataques histéricos periodicamente. Mas além disso tudo eu comecei a apagar. Apagar mesmo: desmaiar. Assim, além da tensão de tudo que eu fazia, tinha a tensão do medo de desmaiar na rua e sozinha, e acordar sabe-se lá aonde e em que condições.

Nessa hora aprendi, pela dor, uma lição valiosa. Na vida, existem 4 tipos de coisas: as coisas ruins, as boas, as muito boas e as excelentes.

Peguei um papel e fiz as 4 colunas e comecei a colocar minhas tarefas distribuídas nelas. Estava claro pra mim que as coisas ruins deviam ser eliminadas. Mas mesmo eliminando as ruins, como perder tempo com joguinhos de Facebook que não acrescentam em nada na minha vida, tinham sobrado ainda as colunas das coisas boas e agradáveis, e que eram importantes da eu atingir metas de longo prazo.

Todas elas eram importantes, mas pra eu continuar fazendo tudo que estava fazendo, eu ia certamente parar no hospital. Nessa hora, saber que, por exemplo, costurar almofadas pro sofá estava na coluna de coisas apenas boas, foi entender que o curso da pós na coluna excelente era mais importante. Entendem o que eu quero dizer?

Muitas vezes perdemos nosso tempo com coisas boas, mas poderíamos estar gastando esse mesmo tempo (que não volta) com coisas excelentes. Desistir de coisas boas não é derrota. É derrota se você desiste de uma meta sem perspectiva nenhuma. Mas se você coloca prioridades na sua vida, entende quais são as coisas excelentes e desiste momentaneamente de algumas boas e muito boas pra poder fazer as excelentes de maneira eficaz, não é burrice, é sabedoria.

A pausa é necessária. A pausa é saudável. O descanso não é palhaçada nem coisa de gente fraca e fresca (já ouvi muito isso, acredite se quiser… e até passei a acreditar nisso por um tempo). Nosso corpo é uma máquina e precisa de descanso. Se ficarmos com um ar condicionado ligado eternamente, não vai demorar muito pra ter um curto-circuito na casa, pro ar condicionado queimar ou acontecer alguma coisa pior, não é? Porque até um ar condicionado precisa descansar, precisa de pausa. Se ele precisa, por que você não precisaria?

Então, queridos, esse é meu desejo pra vocês, para nós, em 2015. É saudável essa vibe de novo ciclo a cada novo ano. Tracem metas pras suas vidas. Poucas. Coloquem seus afazeres diários distribuídos nas colunas de coisas ruins (as que são prejudiciais e não fazem você evoluir), boas, muito boas e excelentes de modo a conduzir sua vida pra chegar aonde você deseja. Eliminem as tarefas ou hábitos que não têm importância (ou que não tem tanta importância naquele momento) pra que você possa descansar e se dedicar de maneira eficaz às excelentes. Não caiam na armadilha de fazer tudo ao mesmo tempo. Quem quer abraçar o mundo, acaba perdendo o foco. Mas aquele que traça poucas metas e luta por elas, vai mais longe e com mais saúde.

Seja feliz em 2015. :)

  • Miriam

    Em 01.01.2015

    Nossa, Mari…! Caiu como uma luva pra mim hoje! :)
    Adorei!

    [Reply]

    Mariana Reply:

    Que bom!

    [Reply]

  • Laninha

    Em 01.01.2015

    Mari, realmente eu cliquei no link e logo pensei que iria ver suas metas para este ano hehehehe. Vc está certíssima em não dizer quais, isso é mt pessoal e acredito que assim evitamos desgastes desnecessários com fofocas. Adorei tudo q vc disse no post e este ano uma das coisas que pretendo fazer é não perder meu tempo com besteiras como vc disse.. facebook então.. vamos mudar, né? Beijos!!

    Laninha.com

    [Reply]

    Mariana Reply:

    hahahaha… olha… 2014 foi um ano mt bom pra mim, mas eu não abri a boca sobre minhas metas… então decidi que de agora em diante não vou mais falar das minhas metas pra ninguém 😛
    esse sistema de avaliação de prioridades está dando mt certo pra mim 😉
    por um mundo menos facebookeiro hehehe bjos

    [Reply]

  • Mah

    Em 01.01.2015

    Muito bom seu texto! Eu não sou uma pessoa ansiosa, sempre levo as coisas numa boa, sem me estressar e acho que é a melhor coisa mas não costumo traçar muitas metas.
    XoXo
    Mah
    http://mah-in-wonderland.blogspot.com

    [Reply]

    Mariana Reply:

    Aiii… Eu sou MT ansiosa rsrs…

    [Reply]

  • Aninha

    Em 01.01.2015

    Oi Mari! Passei muito tempo sem passar por aqui, mas hoje voltei pra ver o que perdi enquanto estava fora, e amei esse texto! Não podia deixar de comentar, pois eu sofro dessa síndrome, hahahaha… Quero ser 24×7 e isso definitivamente não funciona. Tive que deixar algumas coisas de lado também, mas vi que em alguns aspectos valeu muito a pena! Espero poder conseguir me organizar da forma que você descreveu para que eu consiga lidar com isso de maneira melhor ainda!
    Feliz 2015 pra ti! Espero que alcance todas as suas metas, pois isso é muito gratificante! Tudo se bom pra ti e toda sua família! Beijos!

    [Reply]

    Mariana Reply:

    oieeeeeeeeee :3
    ai que bom q vc gostou do post… eu achei que ficou meio enrolado, estava pensando em editar pra tentar ser mais clara, sei lá… mas agora fiquei menos encucada hahaha…
    feliz 2015 pra nós <3 bjos

    [Reply]

  • Estou em rehab. Um dia de cada vez. | Blog da Mariana Cruz

    Em 01.01.2015

    […] No começo desse ano eu falei pra mim mesma que esse seria o ano do foco!!! Fiz um post dizendo que não ia compartilhar minhas metas a alcançar pra vocês, mas dei algumas di… […]